13 Dez 2016

Day 16 – Someone that’s not in your state/country

30 days letter challenge

Ei, como você está querida? Já se habituou a nova vida? Faz um tempo que não nos falamos, e hoje me lembrei de uma daquelas festas que costumávamos ir, você lembra? Bom eram tantas, mas falo daquela, naquele lugar fechado e pequeno, de música brasileira, tudo misturado, nunca ri tanto quando você ficou achando que estava fedida. Eu disse que não era você, mas quem disse que você acreditou? Ficamos 3 horas até você aceitar que não era você e sim o lugar! Lembra?

Nossa foram tantas histórias, tantos anos de amizade, e hoje você está ai, se desbravando em uma nova vida, casadinha em uma cidade nova! Com uma língua diferente e pessoas diferentes! Fico pensando se você está realmente bem! A última vez que te vi, achei que você estava abatida. Talvez seja o peso da responsabilidade, ou mesmo tempo de sobra sem saber o que fazer.

As vezes acho que você esquece seu próprio valor, e a sorte que as pessoas tem de terem você na vida delas. Fico triste toda vez que vejo que você esquece isso. E acho que você esquece isso mais do que deveria.
Você é uma pessoa incrível, que ilumina todos ao seu redor. Você faz, apesar de todo o drama, as situações do dia a dia serem menos estressantes e sempre me ajuda a ver o colorido do mundo, mesmo quando preciso ver esse colorido para você.

Sei que os dias não estão sendo fáceis, mas você tem esse poder incrível de conseguir realizar tudo o que sonha, e o melhor, consegue fazer isso de uma forma tão leve, que parece que nem suou para realizar o impossível. Invejo isso em você, mas é uma inveja boa, que faz eu me inspirar em ser cada dia mais parecida com você. Sinto saudades dos nossos sábados de sol, nossas idas durante semana para a praia, e da sua companhia todos os dias para me fazer rir.

E espero que mesmo longe, você sempre se lembre de se valorizar, lembre-se que seu valor, não está no trabalho que realiza, mas sim, na pessoa incrivelmente interessante, alegre, divertida e disposta a sempre ir mais longe e levar todo mundo com você. Você faz as pessoas se inspirarem, faz as pessoas querem fazer mais e melhor, e isso, é muito mais valor do que você pode imaginar.

Então, minha amiga, sempre que precisar, leia essas minhas palavras e lembre-se do porque você está onde está, e que você foi quem fez esse sonho se realizar. Não deixe nunca de pensar, que sem você, nada disso estaria acontecendo, e sem você, a vida de muita gente fica sem cor. Te amo! E espero estar junto com você logo logo!

Beijos, e até logo

Atrasei uma semana! foi mal gente! mas estava bem atrapalhada! Vou tentar colocar 2 essa semana pra compensar! hehehe

#
Sem ComentáriosPostado por: Mari Helou
02 Dez 2016

Day 15 – The person you miss the most

30 days letter challenge

Como explicar a falta que você faz? Eu mudei, mudei muito durante todos esses anos, e em alguns momentos, eu simplesmente esqueci de você. Te deixei de lado e segui meu caminho, segui aquilo que acreditei ser melhor para mim. Abandonei certezas, convicções que acreditava fielmente e me deixei levar.

Levar para onde você pergunta? Realmente é uma ótima pergunta, porque sem você, eu não sei quem sou, então de que adianta seguir um caminho que provavelmente não me fará feliz?

Foram tantos os motivos, tantos caminhos que não sei realmente dizer em que momento te perdi. Seu senso de justiça, sua garra e sua força são a parte de mim que mais faz falta.

Eu lembro como era quando tinha você, quando me sentia inteira, tudo era tão simples, eu sabia o que queria, você sempre me mostrava, e hoje, sem você, eu percebi que não sou nada.

Aonde você esta? Meu lado de menina, criança travessa que fazia amigos fácil, estava sempre suja de terra, brincando e criando sem medo e sem receio do que os outros iam falar.

Em que momento te perdi? Só me dei conta quando deixei de acreditar em mim, hoje eu vivo perdida, sem saber para onde ir, sem saber o que quero, o que me faz feliz.

Nunca senti tanto essa falta, minha versão pequena, de riso fácil, onde deixei esse meu lado, que não ligava para os outros e simplesmente sentia tudo e abraçava o mundo?

Quando deixei minha parte mulher vencer a parte menina, deixei de acreditar em sonhos, e perdi minha habilidade de decidir por mim mesma, fiquei cética, insegura, completamente perdida. Nunca me senti tão sozinha. Se não te encontrar, como vou poder me encontrar?

#
Sem ComentáriosPostado por: Mari Helou

Postagens recentes

    30days-quadrada

    Day 21 — Someone you judged by their first impression

    Metida, essa foi a primeira impressão de você, sentada em um restaurante, almoçando com o namorado. Foi ali que te conheci, pensei, nossa, que menina irritante, o que eu to fazendo aqui? Isso foi até descobrir seu gosto por festas, seu lado família e gosto por ficar em casa e ver um filminho. Você tem […]

    Leia Mais

    30days-quadrada

    Day 20 — The one that broke your heart the hardest

    Você que uma vez roubou meu coração, Você não faz a menor ideia do quão bem que me fez, por tantos anos foi a melhor parte da minha vida, por quase uma vida, você esteve presente, você chegava, devagarinho e a tristeza ia embora, você tinha um jeito todo seu de me dizer que tudo […]

    Leia Mais

    30days-big

    Day 19 — Someone that pesters your mind — good or bad

    Eu gostaria de te deixar de lado, esquecer que você existe. E parar de me incomodar com o que você acha que os outros irão achar. Sério, não dá mais pra viver com você na minha orelha, desviando minha atenção do que realmente importa, não aguento mais ser escrava desses pensamentos, não aguento mais me […]

    Leia Mais